O QUE FAZER PARA TORNAR A ADAPTAÇÃO ESCOLAR MAIS TRANQUILA? - CANTINHO EDUCATIVO


ESPERO QUE VOCÊ POSSA UTILIZAR DA MELHOR MANEIRA POSSÍVEL,
TODO CONTEÚDO DISPONIBILIZADO NESTE BLOG!

Este Blog é Protegido e Monitorado por:
DMCA.com Protection Status

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

O QUE FAZER PARA TORNAR A ADAPTAÇÃO ESCOLAR MAIS TRANQUILA?

Créditos da imagem:
Pixabay / Public Dominian Pictures
Todo início de ano letivo em creches e escolas de educação infantil é uma loucura! Os dias não são fáceis.  Crianças chorando ao verem adultos indo embora. País nervosos, chorosos, sentindo culpados pela separação,  perguntando-se o tempo todo se tomaram a decisão correta de matricular os filhos na Educação Infantil.  Aqui no blog já falamos sobre a entrada na pré-escola e a importância do período de adaptação para as crianças.

A entrada na pré-escola, é sempre um período difícil para pais e crianças. Há crianças que se adaptam com facilidade  que em pouco tempo já estão totalmente integradas ao ambiente escolar. Há outras crianças, porém, que a adaptação é um pouco mais demorada, muitas levam um tempo maior para superar a insegurança, aceitar a separação dos pais e construir vínculos. Por isso, paciência, carinho e amor por parte da equipe escolar e dos pais é de fundamental importância.

Nesta hora é importante estreitar e fortalecer os laços de confiança e amizade entre pais-escola e escola-alunos. No caso dos pais, para que sintam tranquilidade e segurança no trabalho desenvolvido pela escola e percebam que ela pode ser um lugar prazeroso,  legal, alegre e aconchegante que muito contribuirá para o desenvolvimento dos seus filhos, fazendo toda diferença na vida deles. Para as crianças, é fundamental mostrar a elas que a escola é a extensão do lar.

Para amenizar o sofrimento das famílias e fazer com que as crianças fiquem bem na escola, é interessante ter na escola e mais especificamente na sala de aula objetos que as crianças se identificam e reconheçam que pertençam a elas (ursinhos, bonecas, cobertor, fraldinha,  travesseiros,  etc.).

Lembrem-se que os pequenos se sentem à vontade e felizes, quando a escola acolhe de forma afetiva as famílias e os objetos pessoais que os fazem lembrar de suas casas e daqueles que mais gostam!
Crédito da Imagem: Pixabay / Denise_is_here

Aqui vão algumas dicas para tornar a adaptação escolar de seus alunos e/ou filhos menos traumática e sem estresse para todos os envolvidos neste processo.  É importante ressaltar que o envolvimento de todos da equipe escolar - isto inclui  a participação da direção até funcionários da escola - e famílias é fundamental para o sucesso desse momento passageiro, mas turbulento.

Estas dicas valem para os primeiros dias e também para os primeiros meses. Não se esqueçam: cada criança tem o seu tempo para se adequar  a estas mudanças!

✔ Faça da sua sala de aula um ambiente aconchegante e alegre, com tapetes, almofadas e brinquedos com nomes das crianças  (peça aos pais para trazer para a escola os brinquedos preferidos das crianças);

✔ Proponha atividades em que os pais também possam participar juntamente com as crianças, pois isto favorece a interação entre todos e visa fortalecer o vínculo entre pais, professor e alunos;

✔ Peça aos pais fotos das crianças com eles, avós, tios e outros parentes, animais de estimação;

✔ Coloque estas fotos em um mural ou painel numa altura acessível ao grupo. Coloque legenda nas fotos e conte à turma o que elas  significam na roda da conversa;

✔ Tire cópias coloridas destas fotos e posteriormente, faça álbuns individuais para cada aluno e deixe ao alcance das crianças, para que possam manuseá-las quando sentirem vontade ou saudade. Assim, estarão conhecendo as famílias e os objetos dos demais colegas, contribuindo assim, para a socialização e a construção de laços afetivos;

✔ Quando as crianças já estiverem tranquilas,  tire fotos de diferentes situações dentro da escola e também na sala de aula e mostre para os pais nas reuniões. Inclua estas fotos nos álbuns individuais e no final do ano letivo, todas as crianças poderão levar para casa seus álbuns e assim, os pais verão a evolução deles e o quanto cresceram e se desenvolveram.

Créditos da Imagem: StockSnap.io
Mas volto a frisar:  cada criança tem  o  seu tempo! Algumas  podem levar mais tempo para se adaptar à rotina escolar, e por isso, necessitam de um período maior para esta  adaptação, principalmente as mais tímidas e com idades menores. Há ainda aquelas crianças que se adaptam com mais facilidade, e, nestes casos, não há necessidade da presença dos pais ou responsáveis junto com a criança na escola.

Lembre-se de manter sempre uma porta aberta para o diálogo e priorizar o bem estar da criança! A parceria ESCOLA e FAMÍLIA é o que garante o sucesso do processo ensino-aprendizagem! 


REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

REVISTA NOVA ESCOLA. Edição 207, Nov 2007.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você gostou do Blog, deixe um comentário! A sua opinião é muito importante para mim!
Ficarei muito feliz com o seu recadinho!
Mas antes de comentar, é preciso saber que:
😊 Seja educado (a)! Não xingue ou ofenda ninguém!
😊 Todos os comentários são moderados.
😊 Só serão publicados aqueles que respeitam as regrinhas abaixo:
✔ Comentários ANÔNIMOS não serão publicados;
✔ Comentários que contenham links ou spans não serão publicados;
✔ Comentários ofensivos ou com palavrões não serão publicados;
✔ O comentário dever estar relacionado com o assunto da postagem publicada, caso contrário, ele não será publicado.

Volte sempre! Este espaço é seu!!!